Arquivo da tag: Filippo Pedrinola

Busca de uma vida saudável com felicidade

Lançamento do endocrinologista Filippo Pedrinola impulsiona a mudança de hábitos no nosso dia a dia

Com o passar dos anos, mudar determinados hábitos torna-se uma verdadeira missão. Pensando nisso, o nosso colunista, o endocrinologista Felippo Pedrinola acaba de lançar um livro para carregarmos na bolsa e que vai impulsionar mudanças importantes. Em ‘Um convite à saúde’, Editora Abril, o autor revela, com clareza, a necessidade de se estabelecer conexões entre corpo, mente e espírito, para quem busca uma vida saudável e plena. 

Não adianta comer bem e ficar parado ou fazer ginástica e não dormir direito. Também não basta olhar para o corpo sem cuidar da mente e sem observar como o modo de encarar os problemas influencia nas suas emoções. A novíssima Medicina entende que tudo no nosso organismo funciona de maneira integrada.

Respeitando nossos gostos, desgostos, convicções e rejeições, o livro nos mostra que não há sacrifícios quando o assunto é saúde, porque um único ajuste no estilo de vida já é capaz de desencadear um círculo virtuoso.

Em capítulos saborosos, Pedrinola apresenta dilemas comuns a todos nós. São questionamentos sobre envelhecimento, sobre o papel do sono, sobre as diferenças entre homens e mulheres, a interferência das emoções. E não nos deixa esquecer o principal: a saúde é uma grande conquista que está em nossas mãos.

Está esperando o que? O exemplar custa apenas R$ 24,90 e está disponível em bancas de revistas e livrarias

De volta aos trilhos

Entre as metas do novo ano, inclua essa: MEXA-SE!

Exagerou nas festas de fim de ano?

Tudo bem, é muito difícil resistir aos “happy hours”, confraternizações e às delícias das ceias de Natal e Ano Novo, afinal, todos os eventos sociais estão muito ligados ao comer e beber. Desde a antiguidade, o comer e as emoções andam juntos… Porém, é hora de voltar para a rotina e pensar na saúde.

Em primeiro lugar, dê um “fim” naqueles alimentos cheios de gordura e açúcar que sobraram na geladeira e naquele armário “estratégico!. Qualquer alimento que possa sabotar seu resgate à boa forma deve ser eliminado.

Uma boa idéia é incluir mais proteínas em suas refeições, algo como 10 a 15 gramas em cada uma, uma vez que demoram mais para serem digeridos do que os carboidratos refinados e, portanto, dão sensação de saciedade por mais tempo. Tome cuidado com  os carboidratos refinados (açúcar, doces, tortas, pizza, sorvetes, álcool,  biscoitos) porque são digeridos rapidamente, aumentam o nível de glicose no sangue e estimulam a liberação do hormônio insulina.  Esse hormônio favorece o acúmulo de gordura no corpo, principalmente na região abdominal.

Mexa-se! Mesmo que você não vá à academia ou ao clube, procure ter uma vida ativa e evite ao máximo o sedentarismo. Claro que o ideal seria fazer exercícios regulares pelo menos 3 vezes por semana durante 1 hora, porém, caminhar diariamente pelo menos 30minutos já ajuda, assim como subir e descer escadas, estacionar o carro longe, passear com o cachorro e evitar ficar muito tempo sentado.

Dê preferência aos carboidratos integrais com frutas, verduras, legumes, cereais integrais, grãos e pão integral.

Lembre-se: um bom estilo de vida garante uma boa forma e uma ótima saúde, para começar o ano com o “pé direito”.

Dr. Filippo Pedrinolla

Estilo de vida e o seu coração

Aposto como você já viu e ouviu esse tema várias vezes. Mas, assim como a maioria não conseguiu driblar o estresse, nem diminuir o ritmo para gastar uns minutinhos na academia. Nós entendemos. Entendemos mas não vamos desistir de alertar você a mudar seu estilo de vida e cuidar mais do seu coração. O fim do ano – e suas promessas – estão aí, coloque a qualidade de vida na sua lista. Antes disso, leia e releia a coluna do nosso colunista Dr. Filippo Pedrinola que vai te alertar e animar a cuidar mais de si: “Primeiro, vamos dar uma olhada no estresse. Quando nossos ancestrais davam de cara com um tigre dente de sabre, liberavam subitamente, hormônios de estresse como a adrenalina e o cortisol que desencadeavam a resposta “lutar ou fugir”. Essa resposta é igual até os dias de hoje e inclui aumento da frequência cardíaca, aumento da pressão e aumento do açúcar (glicose) no sangue, ajudando contra o perigo ou escapando dele”, diz Dr. Filippo.

Exercícios e alimentação

Quer ficar “sarada”, perder uns quilinhos ou, simplesmente, ter mais saúde? Mexa-se e alimente-se de forma correta. Neste mês, nosso colunista Dr. Filippo Pedrinola explica a matemática saudável entre exercícios e alimentos e o que fazer para ter o corpo dos sonhos: “Quando você faz exercícios, seu corpo precisa começar a produzir energia mais rápido do que durante o repouso. Os músculos começam a se contrair vigorosamente, o coração bate mais rápido para bombear o sangue para todo o corpo e os pulmões trabalham duro. Todos esses processos necessitam de combustível. De onde ele vem e como você pode ter certeza de que tem o suficiente para terminar seu treino em bom estado?”, diz.

O Perigo da luta contra a balança

A busca pela beleza de um corpo “perfeito”, leia-se magro, esbarra em inúmeros perigos que envolvem regimes malucos, falta de comida e excesso de exercícios. Mas, esses regimes sem controle ou acompanhamento podem ser o gatilho para transtornos alimentares muito graves. Na coluna deste mês, o endocrinologista Dr. Filippo Pedrinola fala sobre eles: ” Os transtornos alimentares representam uma preocupante “epidemia” que vem se espalhando, principalmente em países mais desenvolvidos, e atingindo mais frequentemente adolescentes e adultos jovens. Os padrões de belezas atuais aliados à rejeição social, ao excesso de peso e obesidade, principalmente entre as mulheres, fazem com que as adolescentes sintam uma necessidade incontrolável de ficar muito magras para serem aceitas num mundo em que o sucesso é divulgado através da perfeição estética de top models famosas”.

Prevenção contra o envelhecimento

Assunto delicado, o envelhecimento cedo ou tarde chega para todo mundo. O mais importante é viver a passagem inevitável do tempo com saúde e qualidade de vida. A receita para isso é a prevenção. Não adianta correr atrás da saúde apenas depois que ficou doente, certo? É sobre esse assunto que trata a coluna do Dr. Filippo Pedrinola, endocrinologista. Leia com atenção e previna-se!

Dr. Filippo Pedrinola no canal GNT

Nosso endocrinologista Dr. Filippo Pedrinola participou do Programa Happy Hour na GNT, dia 27/05 (hoje) às 19h. Quem quiser sabe um pouco mais sobre o tema “Brigando com a balança” e conhecer nosso colunista é só ligar lá no canal 41 (NET). Se você perdeu, a reprise será amanhã às 13h. Já passaram pelo Happy Hour também o Dr. Elieser, nosso especialista em ginecologia e obstetrícia e a assessora de casamentos Márcia Possik.