Arquivo da tag: Amanda Salusse

Casamento seguro – parte 1

Casar é uma delícia e, na maioria das vezes, os noivos só se preocupam com os felizes para sempre. Mas, é importante colocar os pés no chão e pensar racionalmente em algumas medidas que poderão evitar conflitos futuros. Na coluna deste mês, a Dra. Amanda Salusse traz informações importantes sobre os pactos ou contratos feitos antes do casamento. Em duas partes, ela explica os detalhes de como fazer e por que fazer um documento desse: “hoje inicio aqui, as postagens que podem auxiliar noivas, grávidas e mamães que irão fechar seus contratos de festas, comemorações, ou mesmo aquelas que irão fechar contrato de compra/venda/aluguel de imóvel, contrato nupcial ou pacto antenupcial, confecção de quartos, cozinhas sob medida, enfim, tudo o que pode dar dor de cabeça para noivos, recém-casados, futuros papais e mamães, e os já papais!”, conta Amanda. O assunto de hoje pode interessar para muitos casais à beira do altar apesar ainda de pouco utilizado e conhecido por todos!

DPC (Depressão Pós-Casamento)

Passada a euforia dos preparativos e da cerimônia, muitas noivas deparam-se com a realidade do casamento. Um vazio se instala e a sensação de vazio vem junto. A isso dá-se o nome de “post wedding blues”, uma espécie de depressão pós-casamento. Para explicar o que é e como retomar a vida normal, nada melhor que ouvir de alguém que quase passou por isso. Na coluna deste mês, a advogada Amanda Salusse fala sobre esse problema que afeta algumas ex-noivinhas: “Um estudo já mostrou que um em cada dez pares de noivos recentes, ao “caírem na real” da vida de casados ficaram perdidos e até certo ponto tristes. Esse comportamento ganhou o nome de “post wedding blues” (depressão pós nupcial). Este estado de espírito pode durar meses, deixando os afetados desiludidos, confusos e até levando-os a questionar se o casamento não teria sido um erro! Mas, essa sensação de vazio é normal”, diz Amanda.

Noiva linda e grávida!

Grávida e linda sim! Sem problemas. É claro que o planejamento da cerimônia, do vestido, enfim, devem sofrer algumas modificações para garantir o bem estar da noiva-mamãe, mas nada que seja muito complicado. Este mês, Amanda Salusse conta o que essas futuras noivinhas podem e devem fazer para ter a festa dos sonhos, sem correr riscos ou incômodos. “Casar durante a gravidez deixou de ser um tabu para a mulher moderna: quer coisa mais bonita que aquela barriguinha sobressaindo sob o vestido de noiva? Mas, com isso, há também a  necessidade de adaptar o tão sonhado vestido para a barriga saliente, bem como as eventuais mudanças no corpo, que não são poucas!”, diz Amanda.

Assim, mesmo grávida, com poucos ou muitos quilos a mais, o objetivo é garantir o brilho da futura mamãe no casamento, dando a ela liberdade de movimento, suavidade e a sofisticação que a data pede e merece.

O sonho do chá de bonecas

O Sonho de infância pode ser transformado em encantamento puro. Comemorar o aniversário de sua filhota com um belíssimo chá de bonecas, além de diferente, é encantador. Existem várias empresas especializadas em realizar esse sonho e é sobre elas e seus trabalhos que nossa querida colunista Amanda Salusse fala ( Indica) na coluna desse mês. Vale a pena conferir!